Autores da edição 2019

Escolhidos pelo curador Rogério Pereira  com aprovação da Comissão Organizadora da Flim, os autores, de um modo geral, dialogam com o tema “Conexões”.

Autores internacionais e nacionais 

Alexandre Rampazo

Nasceu em São Paulo (SP). Formado pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo, é ilustrador e autor de livros infantis. Trabalhou como diretor de arte e designer, criando capas e projetos editoriais. Em 2018, recebeu o Selo Cátedra 10 Seleção, pelas obras Aqui bem perto e Se eu abrir esta porta agora.

António Antunes Fonseca

Autor angolano, responsável pelo programa de rádio Antologia, possui mais de sete obras publicadas. É licenciado em Economia pela Universidade Agostinho Neto, de Angola, e diplomado em Estudos Superiores Especializados de Políticas Culturais e Ação Artística, pela faculdade de Direito e Ciências Políticas da Universidade de Bourgogne, França.

Bianca Pinheiro

Nasceu no Rio de Janeiro (RJ), em 1987. Publicou nove livros, entre eles, a série infantojuvenil Bear, as graphic novels MSP da Mônica: Força e tesouros e Eles estão por aí. Seus quadrinhos ganharam quatro Troféus HQMix, o Troféu APCA de Melhor Quadrinho de 2018 e o Prêmio Grampo (3º Lugar) de Melhor Quadrinho de 2018.

Cláudio Mourão (Cacau)

Doutor em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS com habilitação de tradutor e intérprete de Libras-Português/Português-Libras. Coordena o projeto Arte de Sinalizar e já realizou eventos ligados à sua linha de pesquisa, como o Sarau Arte de Sinalizar: narrativa, humor e poesia, em Porto Alegre-RS (2017), Passo Fundo-RS e Florianópolis-SC (2018).

Contardo Calligaris

Nasceu na Itália, em 1948. Psicanalista, psicoterapeuta, ensaísta e escritor, formou-se na Suíça e na França. Radicou-se no Brasil nos últimos 20 anos. Desde 1999 é colunista semanal da Folha de S. Paulo. É autor dos romances O conto do amor e A mulher de vermelho e branco. Acaba de lançar uma edição revista e ampliada de seu best-seller Cartas a um jovem terapeuta.

Daniela Arbex

Nasceu em Juiz de Fora (MG), em 1973. Uma das jornalistas mais premiadas de sua geração, Daniela tem mais de 20 prêmios nacionais e internacionais no currículo. É autora, entre outros livros, de Cova 312 (prêmio Jabuti) e do best-seller Holocausto brasileiro (prêmios APCA e Jabuti), que vendeu mais de 300 mil exemplares no Brasil e em Portugal.

Edimilson de Almeida Pereira

Nasceu em Juiz de Fora (MG), em 1963. É poeta, ensaísta e professor de Literatura Portuguesa e Literaturas Africanas de Língua Portuguesa. Possui uma obra extensa e múltipla, com publicações nas áreas de poesia, literatura infantojuvenil e ensaio. É autor das coletâneas de poemas Qvasi, Zeosório blues e Guelras, entre outros.

Fabio Weintraub

Nasceu em São Paulo (SP), em 1967. É poeta, professor e editor. Doutor em Teoria Literária e Literatura Comparada pela Universidade de São Paulo (USP), é professor colaborador da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Como poeta, publicou, entre outros títulos, Novo endereço (vencedor do prêmio especial Casa de las Américas em 2003), Baque e Falso trajeto. Atua há mais de 20 anos no mercado editorial, coordenando atualmente o Departamento de Literatura Infantojuvenil do grupo Somos Educação.

Fernanda Takai

Nasceu em Serra do Navio (AP), em 1971. É cantora, compositora e escritora, dedicando-se à crônica e à literatura infantojuvenil. Desde os anos 1990, é vocalista da banda Pato Fu e há uma década lançou-se em carreira solo. Lançou 18 álbuns e 7 DVDs. Escreveu os livros O cabelo da menina, A mulher que não queria acreditar, A gueixa e o panda vermelho e Nunca subestime uma mulherzinha.

Giovana Madalosso

É formada em jornalismo pela UFPR com extensão em roteiro de cinema pela New York University. Como roteirista, escreveu séries para o Multishow e GNT. Também é autora do volume de contos A teta racional, finalista do Prêmio Biblioteca Nacional 2017, e do romance Tudo pode ser roubado, atualmente em desenvolvimento para virar série.

Gustavo Gusmão

Graduando do curso Letras – Libras pela UFSC (SC), o artista possui diversas poesias apresentadas em saraus e festivais de folclore e poesia surda.

Jô Duarte

Nasceu em Muriaé (MG). Está radicada no Rio de Janeiro (RJ) desde 1992. Formada em Jornalismo pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), trabalhou no Jornal do Brasil, no Jornal Extra e na Editora Abril. Estreou na Literatura em 2009, com o livro infantojuvenil Ana Pijama no país do pensamento, da Coleção Vaga-Lume Junior.

Léo Castilho

Produtor cultural, educador, foi repórter do Multishow e dá luz à representação surda na mídia. É MC do Slam do Corpo.

Maria Homem

Nasceu em São Paulo (SP). É psicanalista, pesquisadora do Núcleo Diversitas da Universidade de São Paulo (USP) e professora nas áreas de Psicanálise, Cinema, Literatura e Comunicação da FAAP. É autora do livro No limiar do silêncio e da letra: traços da autoria em Clarice Lispector.

Marçal Aquino

Nasceu em Amparo (SP), em 1958. Publicou os romances O amor e outros objetos pontiagudos e Cabeça a prêmio e o livro de contos Faroestes. Escreveu o roteiro dos filmes Os matadores, Ação entre amigos, O invasor, Nina e O cheiro do ralo. Para a TV Globo, junto com Fernando Bonassi, roteirizou as séries Carcereiros e Força tarefa.

Marcelino Freire

Nasceu em Sertânia (PE), em 1967. Escritor e editor, é autor dos livros AcRústico, Angu de sangue, BaléRalé, Rasif: Mar que arrebenta, Contos negreiros (vencedor do prêmio Jabuti) e Nossos ossos (vencedor do Prêmio Machado de Assis). É também idealizador da Balada Literária, evento anual que reúne escritores e artistas, com debates sobre literatura e arte contemporânea.

Moraes Moreira

Nasceu em Ituaçu (BA), em 1947. Compositor, cantor e violonista, começou a carreira musical ainda adolescente. Nos anos 70 integrou o grupo Novos Baianos, um marco da música brasileira. Desde 1975 segue em carreira-solo. Já lançou mais de três dezenas de álbuns e tem quase 500 músicas gravadas. Em 2007, lançou o livro A história dos Novos Baianos e outros versos, que conta a trajetória do grupo em linguagem de cordel. Seu livro mais recente é a coletânea de poesias Poeta não tem idade.

Paulo Cesar de Araújo

Nasceu em Vitória da Conquista (BA), em 1962. Formado em História e Jornalismo, é especialista em música popular brasileira. Publicou os livros Roberto Carlos em detalhes, O réu e o rei e Eu não sou cachorro, não. Atualmente é professor da rede Faetec e do departamento de Comunicação Social da PUC-RJ.

Prisca Agustoni

Nasceu na Suíça, em 1975. Desde 2004 vive no Brasil. Poeta, tradutora, ficcionista e autora de literatura infantojuvenil, atua como professora do Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Modernas da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Publicou, entre outros, os livros de poesia Inventário de vozes, A recusa e Casa dos ossos.

Rogério Pereira

Nasceu em Galvão (SC), em 1973. É jornalista, editor e escritor. Em 2000, fundou em Curitiba o jornal de literatura Rascunho. De janeiro de 2011 a abril de 2019, foi diretor da Biblioteca Pública do Paraná. Entre as muitas curadorias realizadas, destacam-se as bienais do livro do Paraná, Manaus e Minas. É autor do romance Na escuridão, amanhã, finalista do prêmio São Paulo de Literatura.

Roger Mello

Nasceu em Brasília (DF), em 1965. Ilustrador e autor de infantojuvenil, tem uma obra vasta, com mais de 100 livros publicados. Entre seus principais trabalhos, destacam-se A flor do lado de lá, Selvagem e W. Recebeu o prêmio suíço Espace-enfants em 2002 e em 2014 ganhou o Prêmio Hans Christian Andersen, a mais importante honraria da literatura infantojuvenil do mundo.

Scholastique Mukasonga

Nasceu em Ruanda, em 1956. Em 1992, estabeleceu-se na França, onde vive e trabalha. Com uma obra premiada, publicou no Brasil os romances A mulher de pés descalços e Nossa senhora do Nilo, sobre sua experiência como sobrevivente do genocídio dos Tutsis em seu país de origem nos anos 1990.

Victoria Pedroni

Mestranda pela UFSC (SC) em Estudos Linguísticos da Tradução e da Interpretação, é poeta com trabalhos apresentados em diversos saraus e festivais de poesia surda. Foi coordenadora do projeto Arte na palma da mão, que deu origem ao primeiro DVD de poesia surda de Maringá.

Xico Sá

Nasceu no Crato (CE), em 1962. Começou a carreira de jornalista no Recife e atuou muitos anos como repórter investigativo. É colunista do jornal El País e comentarista convidado de diversos programas de TV. Autor de vários livros, entre eles Chabadabadábadu, Modos de macho & Modinhas de fêmea e Big jato, este último adaptado para o cinema em 2014. Acaba de lançar, em parceria com Maria Ribeiro e Gregorio Duvivier, Crônicas para ler em qualquer lugar.

Zeca Camargo

Nasceu em Uberaba (MG), em 1963. Autor de mais de dez livros, iniciou a carreira em 1987, como repórter da Folha de S. Paulo. Na década de 1990, tornou-se diretor de jornalismo e apresentador da MTV Brasil. Também foi editor da revista Capricho, da Editora Abril. Está desde 1996 na TV Globo, onde foi apresentador e editor-chefe do Fantástico. Em 2018, lançou a biografia da cantora Elza Soares.

 

Autores estaduais e regionais

Alice Áurea Penteado Martha

Professora de Literatura Brasileira e de Sociologia da Leitura na Universidade Estadual de Maringá (UEM/PR) e Coordenadora do GT de Leitura e Literatura Infantil e Juvenil da ANPOLL.

Danilo Furlan

Escritor e contador de histórias.

Edson de Carvalho

Professor iguaçuense, é autor da obra Carreiros do Iguaçu – o contrabando, que narra a travessia de mercadorias ilegais no início dos anos 2000, revelando realidades sociais, econômicas e culturais.

Evandro Luís

Professor do curso de Filosofia da UEM (PR), foi finalista do prêmio Jabuti, na categoria Ensaios – Humanidades, com a obra Para além das colunas de Hércules, uma história da pára-consistência: de Heráclito a Newton da Costa.

Fran Nanii

Autora do romance O canto da sereia, Fran Nanii tem em sua primeira obra o reflexo de sua superação da depressão.

Gilmar Leal Santos

Poeta e tradutor. Gilmar nasceu em Apucarana e vive em Maringá, no Paraná. Escritor das obras: Trapezista (2006), Carmesim (2011), Cartas Poéticas (2017), Hoje o mar está calmo (2018). Tradutor de A Terra Árida (2017), um dos mais importantes poemas do século XX, de T.S. Eliot.

Jaime Vieira

Professor e poeta, é membro fundador da Academia de Letras de Maringá. Aos 11 anos escreveu seu primeiro poema, Lamento, possui 36 prêmios literários e 7 obras publicadas.

José Eugênio Maciel

Membro fundador da Academia Mourãoense de Letras – AML, é colunista no Jornal Tribuna do Interior, somando mais de 1.800 publicações, sociólogo, advogado e professor.

Luiz H. Fabiano

É professor aposentado da UEM (PR), vinculado ao Programa de pós-graduação em Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, indústria cultural, teoria crítica, razão instrumental e estética. Membro do Grupo de Pesquisa Teoria Crítica e Educação UNIMEP/UFSCar.

Meyre Barbosa

Formada em Letras pela Fundação Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Mandaguari – PR e pós-graduada em Didática do Ensino Superior pela Universidade São Francisco de Bragança Paulista – SP. É apaixonada pelos livros que lhe foram apresentados na biblioteca municipal da cidade onde morava, quando iniciou seus estudos.

Piera Schnaider

Poeta, é autora do livro Água viva, que explora metáforas eróticas da lesbiandade e outros temas, como subjetividade, cotidiano, solidão, liberdade e religião.

Quirino Maia

Morador do município de Jussara (PR), é autor da obra Jussara, além do Ivaí (origens 1951-1954), que traz fotos, imagens e textos que registram a história dos primeiros desbravadores do Rio Ivaí.

Renato Frata

Autor da obra 200 Microcontos… e mais alguns, é membro da Academia de Letras de Paranavaí e tem mais de 15 livros lançados.

Thays Pretti

Mestre em Estudos Literários pela Universidade Estadual de Maringá. Escritora e cronista, possui o canal Desalinho no Youtube.

Victor Simião

Formado em Jornalismo pela Unicesumar, é repórter da rádio CBN (Maringá-PR) e cursa Ciências sociais (UEM). Organiza o clube de leitura Bons Casmurros.

 

Mediadores

Aline Sanches

Doutora em Psicanálise e Psicopatologia pela Université Denis Diderot – Paris 7. Professora do departamento de psicologia da UEM (PR), é coordenadora da Roda de Psicanálise, espaço de transmissão e ensino nesta cidade, por meio de cursos, grupos de estudos e de uma formação em psicanálise em parceria com o Instituto Sedes Sapiente de SP.

André Simões

Paulistano nascido em 1985, é jornalista e escritor. O volume de contos 23 minutos contados no relógio (2018) é sua segunda obra publicada, sucedendo a coletânea de crônicas e contos A arte de tomar um café (2010). Já atuou nas redações de Gazeta do Povo, Jornal de Londrina e O Diário de Maringá. É especialista em Canção Popular pela FASM e mestre em Letras pela UEL.

Cibele Santos

Ilustradora maringaense, com mais de 20 anos de carreira, criadora da série de tirinhas Mulher de 30. Usa desde técnicas de pintura com lápis de cor à arte digital.

Eliana Palma

Professora, radialista, poeta e prosadora. É co-responsável por concursos literários da cidade de Maringá.

Estela Santos

Co-responsável por trazer o projeto Leia Mulheres para Maringá.

Irmãs de Palavra

Dany Fran e Kelly Shimohiro idealizaram o blog Irmãs de Palavra em 2015 e, de lá para cá, lançaram livros e criaram o clube de leitura Amigos de Palavra.

Joel Cardoso

Jornalista e escritor, é editor e repórter da revista Conexão Paraná e presidente da Unijore – União dos Profissionais das Artes, Jornalismo e Literatura.

Luigi Ricciardi

Nascido em Londrina (PR), doutor em literatura, é autor de cinco livros, entre eles Criador e Criatura e A aspereza da loucura. Em 2009 venceu o Concurso Nacional de Poesia com o texto Dança das Máscaras.

Marcelo Bulgarelli

Jornalista, atuou no Diário do Norte do Paraná, foi produtor na RPC e editor chefe da RIC Rede Record. Atualmente é um dos apresentadores do Cine CBN, na rádio CBN Maringá.

Maria Almeida

Docente na rede Estadual, participa de discussões literárias em clubes de leitura, universidades e palestras.

Victor Simião

Formado em Jornalismo pela Unicesumar, é repórter da rádio CBN (Maringá-PR) e já mediou bate-papo com grandes nomes, como Conceição Evaristo, Tony Bellotto e Thalita Rebouças.

Irmãs de Palavra

Dany Fran e Kelly Shimohiro idealizaram o blog Irmãs de Palavra em 2015 e, de lá para cá, lançaram livros e criaram o clube de leitura Amigos de Palavra.

Joel Cardoso

Jornalista e escritor, é editor e repórter da revista Conexão Paraná e presidente da Unijore – União dos Profissionais das Artes, Jornalismo e Literatura.

Luigi Ricciardi

Nascido em Londrina (PR), doutor em literatura, é autor de cinco livros, entre eles Criador e Criatura e A aspereza da loucura. Em 2009 venceu o Concurso Nacional de Poesia com o texto Dança das Máscaras.

Marcelo Bulgarelli

Jornalista, atuou no Diário do Norte do Paraná, foi produtor na RPC e editor chefe da RIC Rede Record. Atualmente é um dos apresentadores do Cine CBN, na rádio CBN Maringá.

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google